Da edição online, com a data de 7 de julho de 2017, do jornal Revolution/Revolución, voz do Partido Comunista Revolucionário, EUA (http://revcom.us/a/465/other-voices-on-trump-resistance-en.html#vyoung em inglês).

Neil Young lança de surpresa uma nova canção de protesto e resistência: “Children of Destiny”

Neil Young lançou de surpresa uma nova canção intitulada “Children of Destiny” [“Filhos do Destino”] a tempo do fim de semana do 4 de julho [Dia Nacional dos EUA]. A canção inclui um novo jovem grupo de rock, Promise of the Real [Promessa do Real], à frente do qual está o filho de Willie Nelson, Lukas Nelson, e uma orquestra de 65 instrumentos. O vídeo da canção mostra multidões agitando bandeiras, protestos e manifestações, belas cenas naturais e a destruição causada pela guerra. A canção oscila entre o entusiasmo e a melancolia e assim também oscila a imagem.

O refrão da canção é poderoso e é um apelo à resistência. Young canta:

Defenda aquilo em que acredita
Resista aos poderosos
Proteja a terra e salve os mares
Pelos filhos do destino.
Os seus e os meus filhos

Depois, de repente, a imagem muda e também muda o estado de espírito da canção, enquanto Young canta:

Se a bondade alguma vez perder, e se a maldade ganhar
Se o feliz ficar deprimido, e se o pacífico desaparecer.
Que faria você?
Que diria você?
Como agiria você nesse novo dia?

O refrão entusiástico recomeça enquanto Young responde às próprias perguntas dele com imagens de resistência e protestos: “Resista aos poderosos...”

Veja o vídeo: